“Paciência, as obras vão continuar até o fim de 2020”

O administrador regional Daniel Castro tenta mostrar à população a real dimensão das obras e diz que só aceitou administrar cidade para transformá-la

532

Por Amarildo de Castro, do blog do Amarildo

O advogado e administrador regional de Vicente Pires Daniel Castro afirma que só aceitou pegar o comando da cidade porque o governador Ibaneis Rocha (MDB) o pediu para que o ajudasse transformar a cidade e tirá-la de um caos que já durava uma década. Pastor, professor, cientista político, advogado e suplente de deputado distrital, Daniel de Castro é a ponta do GDF na cidade, que enfrenta o dia a dia das obras e as dificuldades para executá-las.

Administrador, depois de comandar Taguatinga, o que o motivou a aceitar o convite do governador Ibaneis para administrar Vicente Pires?

No ramo profissional já tenho uma vida estabilizada como advogado, e o que me trouxe para cá foi o compromisso de Ibaneis em querer mudar a cara dessa cidade, e eu aceitei esse desafio e estou muito feliz com esse canteiro de obras em que se transformou Vicente Pires.

 

Quem é Daniel Castro?

Sou advogado, professor e cientista político, 51 anos, pai de família, bem casado com Glaisa Castro e gosto de desafios, e não tem desafio maior que administrar Vicente Pires.

 

Por quê?

Vicente Pires até então era isso que vocês da mídia viam em todos os blogs, TVs e jornais. Esse mar de problemas, enchentes, lama, buracos, falta de infraestrutura. E graças a Deus estamos mudando isso. Está sendo muito árduo para a comunidade, ruas destruídas para serem reconstruídas, poeira, crateras por causa das obras, mas no final de 2020 quero convidar a todos para uma grande festa de entrega das obras, inclusive a mídia de todo o DF.

 

Quanto está sendo investido em Vicente Pires?

Ao todo, nessa etapa são R$ 150 milhões, boa parte via Novacap e outra parte via DER, que está ajudando a reconstruir uma das principais avenidas da cidade. Mas temos previsão para mais investimentos para 2020.

 

O que já foi feito no Governo Ibaneis?

Ibaneis trouxe para cá, nas primeiras semanas de governo, uma comissão de gestão de crise, e isso foi possível fazer um rápido mapeamento da cidade, facilitando as licitações para essas obras. Mas, depois disso não acabou, trouxemos outra comissão de gestão para acompanhar as obras e toda nossa administração, temos gente nas ruas todos os dias, inclusive eu.

 

Qual seu recado para os moradores?

Um pouco de paciência porque as obras são várias e vão continuar até o fim de 2020. Mas hoje a população já vê o nosso compromisso, e isso eu agradeço a Deus, e vamos continuar fazendo o que está sendo feito, nossa gestão tem essa marca, de estar nas ruas.

SHARE